sábado, 20 de dezembro de 2008

poema "Fogo e Brasa"


Fogo e brasa
Aterrorizam meu coração
Calam minha voz
E escurece minha mente.
Fogos são:
Romances
Traições
Inimizades.
Brasas são:
Falsidade
Inveja
Intriga.
O que posso fazer
Se fogo me mata
E brasa me cala.

Danillo Salviano

3 comentários:

Iиgяΐđΐzΐинαα disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Gustavo Henrique disse...

Visitei seu Blog tbm é bem bacana vi os tipos de musica que vc curte se nun gosta da Celina Borges?

Gustavo Henrique disse...

Ela é minha madrinha...mas cada com seu gosto né


eu tbm amo d+ a adriana o padre Fabio entre outros